Feedback
Cimpi logo

Marketing para corretores: 4 estratégias que realmente funcionam!

O marketing é uma poderosa ferramenta de venda. Já ouviu a frase “a propaganda é a alma do negócio”? De fato, uma boa estruturação de marketing faz toda a diferença, seja para uma grande empresa ou para pequenos escritórios. Dessa forma, se você é um corretor ou outro profissional espera ter resultados excelentes, precisa saber usar o marketing ao seu favor.

O marketing para corretores será muito sobre a mensagem que ele quer passar para seus clientes e possíveis clientes. O marketing é a voz por trás das vendas. Com isso, se bem feito ele pode ser uma “catapulta” na sua carreira, porém, se mal-executado, poderá ter o efeito inverso.

No texto de hoje, vou te ensinar alguns pontos que serão fundamentais para elaborar uma estratégia de marketing que realmente funcione para você, fazendo seus resultados terem um aumento significativo.

Marketing para corretores

Quando falamos em marketing que realmente funcione, estamos tratando de uma comunicação que atraia pessoas e estimule o consumo de um bem ou serviço. Um bom profissional, que sabe usufruir do poder do marketing, consegue entender que as pessoas precisam sentir o desejo e a necessidade de adquirir o que está sendo vendido. Trata-se de centralizar o consumidor de tal modo que até a mínima vírgula passe a ser articulada em função daquilo que o cliente deseja e não daquilo que o vendedor espera.

Dito isso, vamos focar em pontos que verdadeiramente irão te ajudar a vender mais, porém, respeitando os seus clientes e oferecendo algo que verdadeiramente valha a pena na vida deles.

  1. Defina seu público-alvo

Por mais versátil que seja aquilo que você vende, certamente você tem um público alvo (ou ao menos deveria ter) em vista. Então, é necessário conhecê-lo. Após isso você poderá criar campanhas eficientes e focalizadas que resultam em altas taxas de conversão. Afinal, é melhor falar com mil pessoas que estão dispostas a comprar o seu produto ou em um milhão de outras que não têm o mínimo interesse no que está sendo oferecido?

Quando se tem o público definido, tudo ficará mais fácil. Fora o ganho de tempo, que será um benefício indispensável no seu dia a dia. Definir seu público alvo é a estratégia inicial de qualquer planejamento de marketing. Pois, dessa maneira, você poderá focar em quem realmente se interessa pelo que você oferece.

Uma dica para fazer isso

Com a Cimpi, você encontra o diagnóstico de necessidade (avançado), onde você poderá  explorar com muitos detalhes o perfil dos seus clientes, avaliando suas necessidades de seguros de vida, quanto às de previdência privada, responsabilidade civil e também alternativas para investimentos. 

Se esses temas fizerem parte dos produtos ou serviços que você vende, certamente fará toda a diferença porque apenas quando você conhece seu público de verdade, você poderá focar no que realmente é necessário.

  1. Foco na comunicação

A comunicação será o canal entre você e seu cliente (direta ou indiretamente). Então, nada mais justo do que se preocupar com a forma que você se comunica. 

E não é para menos, através de uma comunicação bem feita, você passará a mensagem sem ruídos para seu público-alvo. Dessa forma, eles encontrarão o que precisam com uma linguagem que transmita facilmente o que você quer passar.

Com a internet, é muito mais fácil falar com um grupo cada vez maior. Por isso, use todas as ferramentas que a internet disponibiliza, desde blogs e e-mails até as badaladas redes sociais, dentre tantos outros meios. Não se esqueça que mais de 90% das pessoas estão de alguma forma conectadas à internet.

  1. Seja relevante

Esse é um dos pontos que a maioria dos corretores que usam do marketing, pecam. Para ter bons resultados, você precisa criar conteúdos relevantes e não apenas tentar empurrar "garganta abaixo” o seu produto/serviço.

As pessoas não gostam de quem apenas tenta vender algo. Elas querem colher algum tipo de valor antes mesmo de realizarem uma compra. Por isso, foque em todo o entorno do seu produto, criando artigos, vídeos, gráficos e o que mais a sua criatividade e tempo permitirem. 

Deixe claro para o seu público qual é o seu objetivo: para além das vendas, você quer construir relacionamentos frutíferos e relevantes com cada um deles. A venda deve ser a consequência de um trabalho bem feito e isso é um dos grandes limiares entre os corretores ruins e os bem sucedidos.

  1. Seja consistente!

Quando falamos de marketing para corretores (e também para outros profissionais e empresas), uma coisa é preciso ser respeitada: o tempo. Eu sei que é normal esperar resultados rápidos e que se traduzem em lucro com facilidade. 

E sim, o marketing, serve também para isso. Porém, rapidez, em vendas, é algo bastante relativo. Para alguns, rápido pode ser um espaço de um ano, já para outros, dois meses pode parecer tempo demais.

Como não dá para ter controle sobre o tempo, você precisa usar ele da melhor forma. É nesse momento que o marketing cobra que você seja consistente, isto é, que faça um trabalho contínuo e sem rupturas.  

Dessa forma, será possível produzir uma alta carga de divulgações e ter bastante material para chegarem até você. Esse é o “dever de casa” de todo corretor, trabalhar seu marketing (independente de quantos e quais canais você usar, seja blog, redes sociais, entre outros)

Para falar diretamente com seu público alvo, você precisa ter uma voz ativa. A melhor maneira de ser ouvido por cada vez mais pessoas é não perdê-las ao longo do caminho.

Se você iniciar e parar diversos planos de marketing, eles não terão força suficiente e, além de perder dinheiro, você terá perdido tempo, algo que os corretores não podem se dar ao luxo de perder.

Conclusão

No texto de hoje, te mostrei 4 estratégias que farão toda a diferença no marketing para corretores. Se você seguir cada uma delas, certamente estará alguns passos à frente da concorrência e ampliará a sua autoridade como poucos o fazem.

Vamos recapitular: quando você quer que seu planejamento de Marketing dê certo, é preciso, antes de mais nada, encontrar/definir qual é o seu público alvo, para com isso poder focar naqueles que se interessam pelo seu produto.

A comunicação é onde você fala direta ou indiretamente com seus clientes e possíveis clientes. Dessa maneira, você precisa produzir algo relevante, que realmente conquiste o seu cliente. E para que tudo isso ocorra, você precisa ser firme em seu caminho, não desistir e ser persistente.

Espero que você que é corretor (ou pretende ser) possa utilizar essas 4 dicas para, realmente, ver a diferença positiva que o marketing bem feito pode fazer com seus resultados.

 

Se gostou do conteúdo, compartilhe em suas redes sociais e nos vemos em breve para mais artigos relevantes sobre o tema.

Compartilhar:

Receba nossas novidades

Se inscreva para receber em sua caixa postal as últimas novidades e artigos da Cimpi.